Cadastre seu e-mail e receba dicas úteis, novidades e muito mais. O cadastro é fácil e rápido.

Acompanhe as novidades

Em ritmo lento, venda da safrinha de milho em MT chega a 11,5%

Negócios estão devagar, mesmo com melhora nas cotações do milho. No mesmo período do ano passado tinha sido vendidos 17,6%.

Em ritmo lento, venda da safrinha de milho em MT chega a 11,5% Lenta, a comercialização da segunda safra de milho em Mato Grosso chegou aos 11,5% até abril, apontou nessa segunda-feira (07) o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea). No ciclo 2013/14 devem ser colhidos 15,2 milhões de toneladas.   Conforme descrevem os analistas da entidade em relatório semanal, as cotações do milho estão em alta desde o início do ano, refletindo a expectativa de uma oferta menor e riscos climáticos. "Devido a essas elevações, muitos consumidores realizam compras futuras pontuais", citam.   Até março foram vendidas quase 2 milhões de toneladas (1,75 milhão de toneladas) com preço médio de R$ 14,50 a saca no mês. "A safra atual iniciou suas vendas com atraso de quatro meses em relação à safra passada. Em reflexo disso e atrelado à lentidão dos negócios nesta temporada, as vendas estão atrasadas em relação ao mesmo período do ano passado", pontua ainda o Imea.   De acordo com o Instituto, em março deste ano, a safra 2012/13 avançou quase um ponto percentual, atingindo 99,6% de comercialização. Restam ainda serem vendidas cerca de 90 mil toneladas da safra passada.